Tipo 1 - O Perfeccionista

enneagram tipo1 perfeccionista

No caso de o parágrafo sobre o Perfeccionista ter sido a sua primeira escolha, há uma probabilidade de 66% de este ser o seu tipo. Leia a descrição que a seguir se apresenta e verifique se descreve a sua personalidade com precisão.

 

Asas - Mediador 9 e Dador 2

Tipo da Segurança - Epicurista 7

Tipo do Stress - Romântico 4

MITOS SOBRE O TIPO

Os Uns são muitas vezes designados como "maníacos da limpeza" e inflexíveis. De facto, aquilo a que os Uns aderem rigidamente e consideram como certo ou errado depende do conteúdo dos critérios internos de cada Um, os quais podem apresentar grandes variações. Assim, por exemplo, se um Um aderir ao critério de que o correcto é ser-se flexível e que conservar a limpeza e a ordem é uma perda de tempo, então essa pessoa não será particularmente asseada e será crítica em relação à inflexibilidade dos outros.

ADJECTIVOS QUE DESCREVEM O TIPO

Consciencioso, responsável, orientado para o melhoramento, consistente, controlado, preciso, critérios elevados, claro, orientado para os pormenores e compassivo, mas também por vezes crítico, inflexível, dogmático, opinioso, ressentido e autocrítico.

CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS

Foco:

O certo e o errado, aquilo que devia corrigir-se. A ética do comportamento das outras pessoas por comparação com o meu. Autocrítica e críticas à minha pessoa feitas por outros. Os meus pontos cegos" säo a zona cinzenta entre o preto e o branco e, muitas vezes, tanto o ansiar como o desejar.

lnvisto a minha energia em:

Fazer as coisas correctamente. Questões versando a integridade. Aderir a critérios considerados importantes. Ser responsávei e auto-suficiente. Suprimir necessidades pessoais e desejos naturais.

Faço tudo quanto posso para evitar:

Cometer erros. Perder o autocontrolo. Violar as normas sociais. No mais fundo de mim, estar errado ou ser mau a ponto de não merecer qua!quer amor e consideração.

As minhas forças:

lntegridade. Preocupação com o melhoramento. lnvestir muito esforço. ldealismo. Auto-suficiência. Capacidade de trabalho. Adesão a critérios elevados. Autodomínio. Ser altamente responsável.

o meu estilo de comunicação:

Ser preciso, claro, directo e orientado para o certo e o errado. Os outros poderão considerar-me como excessivamente pormenorizado, dogmático, crítico, limitador ou tacanho.

 STRESS, RAIVA E ATiTUDE DE DEFESA

o que me causa StreSS:

Ser incapaz de silenciar o meu crítico interno e a ansiedade e preocupação que lhe estão associadas. Sentir-me sobrecarregado com um sentimento de responsabilidade pessoal e rectidão. Demasiados erros para corrigir. Coisas a mais que devem ser feitas correctamente. Tentar libertar-me de ressentimentos e da tensão que lhes está associada. Outras pessoas culparem-me ou não assumirem responsabilidade pelos erros que cometem.

o que me faz zangar e ficar defensivo:

lnjustiça. lrresponsabilidade. Coisas feitas da maneira errada. lgnorar ou desobedecer a ordens e critérios. Ser criticado injustamente.

A natureza da minha raiva e da minha atitude de defesa:

Ressentimento. Autojustificação. Tensão e rigidez. Culpar os outros. Rompantes de indignação.

DESENVOLVIMENTO PESSOAL

o propósito final do meu desenvolvimento:

Perceber que todos somos perfeitos tal como somos (completos e integrais) e que o nosso mérito e bem-estar são inerentes e não dependem de estarmos certos ou errados.

Como posso fomentar o meu desenvolvimento pessoal:

Observando o modo como monìtorizo constantemente o bom e o mau. Apreciando o facto de haver mais do que um caminho certo e de os caminhos "errados" dos outros poderem ser simplesmente diferenças indíviduais. Aceitando "imperfeiçôes" em mim e nos outros. Pratícando perdoarme a mim prõprio e aos outros e abandonando críticas. Concedendo.me tempo livre para prazer e relaxamento. Questionando regras r(gidas e a severidade interna. Usando o ressentimento como indìcação de desejos e necessidades suprimidos. lntegrando na minha vida os meus desejos e impulsos naturais.

O que prejudica o meu desenvolvimento pessoal:

O meu crítico interno não me aceitar a mim próprio ou aos outros como sendo suficientemente meritório. A preocupação sobre fazer as coisas correctas levando a adiamentos e a prestar atenção excessiva a pormenores. Trabalho a mais e remuneração a menos. No mais fundo de mim, a crença de que devo ser bom/estar correcto para ser apreciado e estimado.

Como os outros podem apoiar o meu desenvolvimento:

Encorajando-me a ser menos exigente comigo próprio e a reservar tempo para mim. Proporcionando-me um ponto de vista acrítico. Recordando-me que o propósito da vìda é ser-se humano e não ser uma pessoa irrepreensível.

 

Se não estiver certo de que a descrição do Tipo Perfeccionista se encaixa em si, considere as escolhas que fez do segundo e terceiro parágrafos. Voltar ao Artigo Principal.

 

Imprimir Email

  • Nenhum comentário encontado
Irish gambling website www.cbetting.co.uk Paddy Power super bonus.
Fóruns

module foruns

Artigos

module articles

Ligue-se a nós!

ATENÇÃO Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização . Saiba mais sobre o uso de cookies.

Aceito os cookies deste site.